RNP - Rede Nacional de Ensino e Pesquisa

english | español


Serviços

Pregão para renovação do Anel Sul realizado

O resultado do pregão eletrônico de número 222007, realizado nessa manhã pela Coordenação Geral de Recursos Logísticos do MCT, confirmou a manutenção da operadora Brasil Telecom como fornecedora dos enlaces de 2,5 Gbps que formam o chamado Anel Sul da rede Ipê. Tratam-se dos circuitos DF-RS, RS-SC, SC-PR e PR-SP.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 25.09.2007


PoP de Goiás a 622 Mbps

Na última sexta-feira, o Ponto de Presença da RNP no Estado de Goiás - PoP-GO teve a sua conexão com o PoP do Distrito Federal atualizada para 622 Mbps (STM-4).

Tivemos, portanto, um aumento superior a 1.700% da capacidade de conexão desse PoP à rede Ipê, uma vez que esta estava limitada a 34 Mbps.

Estatísticas do uso desse enlace podem ser obtidas em http://www.rnp.br/ceo/trafego/?tipo_arquivo=1&origem=DF&destino=GO.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 18.09.2007


Resultado do pregão 212007

Finalizou há pouco o certame do edital 212007, realizado pelo Ministério da Ciência e Tecnologia, e que diz respeito à contratação de enlaces de dados para pontos de presença da RNP e instituições clientes. O resultado obtido foi:


  • Lote 1 (enlaces STM-1 para os PoPs PB e RN): Oi;

  • Lote 2 (enlaces STM-1 para os PoPs MA e ES): Oi;

  • Lote 3 (enlaces STM-1 para os PoPs MT e MS; E3 para TO e 3xE1 para AC e RO): Brasil Telecom;

  • Lote 4 (enlaces 2xE1 para CEFETs em GO e RS): Embratel;

  • Lote 5 (enlaces E3 para a Univasf e 2xE1 para CEFETs em MG e RJ): Oi;

  • Lote 6 (enlace STM-1 para o CPTEC): Embratel.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 18.09.2007


Ativação de conexão IPv6 nativa com a Global Crossing

Ontem, foi ativada uma conexão IPv6 nativa com Global Crossing, nosso principal provedor de Internet v6, via enlace de 650 Mbps que mantemos com essa operadora no Rio de Janeiro. A
conexão anterior era feita via tunelamento IPv6/IPv4.

Espera-se, com isso, um aumento desempenho no acesso a sites e outros serviços disponíveis na Internet v6.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 13.09.2007


LNA a 34 Mbps

O Laboratório Nacional de Astrofísica - LNA foi a última das grandes instituições de pesquisa do interior a ter a sua conexão com a rede Ipê atualizada. Esta ocorreu na manhã de hoje com a entrada em operação do circuito E3 (34 Mbps) contratado à operadora Oi.

Proporcionalmente, esta foi a instituição com o aumento mais expressivo de banda ocorrido nesse ciclo de atualizações: 3.300%.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 10.09.2007


UFV a 155 Mbps

Na última quinta-feira, dia 10/09, entrou em operação o circuito STM-1 (155 Mbps) contratado à operadora Oi para conexão da Universidade Federal de Viçosa ao PoP da RNP em Minas Gerais, que funciona na UFMG.

A entrada em operação desse circuito representou um incremento de 355% em relação à capacidade daquele que atendia a essa instituição anteriormente.

Estatísticas do uso desse circuito podem ser vistas em http://www.pop-mg.rnp.br/servicos/estatisticas/showstats.php?cli=23&tipo=b&linha=0.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 10.09.2007


UFPB muda de operadora

Hoje, entrou em operação o novo circuito E3 (34 Mbps) aprovisionado pela operadora Oi para a Universidade Federal da Paraíba. Nesse caso, não houve incremento de velocidade. A mudança se deu por conta do encerramento do contrato com a Embratel que era responsável pelo serviço de conexão dessa instituição ao Ponto de Presença da RNP no Estado da Paraíba, que fica na cidade de Campina Grande.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 05.09.2007


Circuito E3 para a UFRRJ

Hoje, com a valorosa ajuda do pessoal técnico da Rede Rio, tivemos a atualização do circuito da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. A conexão desse importante cliente passou para 34 Mbps, um incremento de 325% em relação à capacidade do seu antigo enlace.

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 04.09.2007


A vez da UFSM, da FURG e da Unifei

Na sexta-feira passada, a Universidade Federal de Santa Maria, a Fundação Univerdsidade do Rio Grande e a Universidade Federal de Itajubá tiveram os seus circuitos com a RNP atualizados em até 356% da sua capacidade. A UFSM teve o seu circuito de 34 Mbps substituído por um de 155 Mbps (STM-1), enquanto que a FURG e a Unifei passaram de 8 Mbps e 4 Mbps, respectivamente, para 34 Mbps (E3).

Centro de Engenharia e Operações (CEO/RNP), 03.09.2007




Dez 2015
Jan 2014
Fev 2014
Mar 2014
Abr 2014
Mai 2014
Jun 2014
Jul 2014
Ago 2014
Set 2014
Jan 2013
Fev 2013
Mar 2013
Abr 2013
Mai 2013
Jun 2013
Jul 2013
Ago 2013
Set 2013
Out 2013
Nov 2013
Dez 2013
Jan 2012
Mar 2012
Mai 2012
Jun 2012
Jul 2012
Ago 2012
Set 2012
Out 2012
Nov 2012
Dez 2012
Jan 2011
Mar 2011
Abr 2011
Mai 2011
Jun 2011
Jul 2011
Ago 2011
Set 2011
Out 2011
Nov 2011
Dez 2011
Mai 2010
Jun 2010
Jul 2010
Ago 2010
Set 2010
Out 2010
Nov 2010
Dez 2010
Fev 2009
Mar 2009
Jun 2009
Jul 2009
Ago 2009
Set 2009
Out 2009
Nov 2009
Mar 2008
Abr 2008
Mai 2008
Jun 2008
Out 2008
Nov 2008
Jan 2007
Mar 2007
Abr 2007
Mai 2007
Jun 2007
Jul 2007
Ago 2007
Set 2007
Nov 2007
Jan 2006
Fev 2006
Mar 2006
Abr 2006
Mai 2006
Jun 2006
Jul 2006
Ago 2006
Jan 2005
Fev 2005
Mar 2005
Abr 2005
Mai 2005
Jun 2005
Jul 2005
Ago 2005
Out 2005
Nov 2005
Dez 2005
Jan 2004
Mar 2004
Abr 2004
Mai 2004
Jun 2004
Jul 2004
Ago 2004
Set 2004
Out 2004
Nov 2004
Dez 2004
Set 2003
Out 2003
Nov 2003
Dez 2003




pivot


Weblog do backbone em RSS

Você pode receber todos os posts do Centro de Engenharia e Operações da RNP em seu computador assim que eles são publicados, sem precisar visitar o site. O conteúdo desta área é distribuído em formato RSS.